EnglishFrenchPortugueseSpanish

“A Nova Política Comum de Segurança e Defesa”

Conferência “A Nova Política Comum de Segurança e Defesa – Desafios e Opções para Portugal”

Na sequência da Presidência Portuguesa da União Europeia e da ratificação

do Tratado de Lisboa pela Assembleia da República, a Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC) e o Centro de Estudos EuroDefense-Portugal organizaram e realizaram em parceria uma conferência subordinada ao tema “A Nova Política Comum de Segurança e Defesa – Desafios e Opções para Portugal”, a qual decorreu no auditório da FEUC no dia 26 de Maio de 2008.

Visando a participação dos jovens universitários no debate sobre a construção da União Europeia, num caminho de partilha e compromisso, mas também de respeito e de garantia pelos interesses nacionais, a conferência teve a finalidade de promover a reflexão sobre o actual momento da União face ao Tratado de Lisboa, em particular no âmbito da segurança e defesa e sua conexão com os interesses de Portugal.

Para além do IDN – Instituto da Defesa Nacional, apoiaram a sua realização o NERIFE/AAC – Núcleo de Estudantes de Relações Internacionais da Faculdade de Economia da Associação Académica de Coimbra, o CIPRIC – Centro Interdisciplinar de Pesquisa em Relações Internacionais de Coimbra e a DECIDE – Associação de Jovens Auditores para a Defesa, Segurança e Cidadania.

Num painel sobre “A Nova Política Comum de Segurança e Defesa Europeia”, foram conferencistas as seguintes personalidades, que desenvolveram os temas assinalados:

  • Deputado Carlos Coelho, Parlamento Europeu – “Ratificação do Tratado de Lisboa: e agora?”
  • Prof. Doutor Rogério Leitão, FEUC – “Implicações para os Estados-membros”
  • TGen Abel Cabral Couto, ED-Portugal – “Desafios e Opções para Portugal”

Na sessão de abertura usaram da palavra o Dr. António Figueiredo Lopes, Presidente do Centro de Estudos EuroDefense-Portugal, o Prof. Doutor José Maria Ruas Murteira, em representação do Conselho Directivo da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e o Presidente do NERIFE, Pedro Nuno Lopes.

Na sessão de encerramento foi feito um comentário-síntese ao debate pelo Presidente do CIPRIC, António Frazão, com base num trabalho realizado por um grupo de estudantes da licenciatura de relações internacionais sob a coordenação das Prof. Doutoras Paula Duarte Lopes e Raquel Freire.

Os textos elaborados pelos alunos da FEUC, nomeadamente a comunicação apresentada pelo Presidente do NERIFE/AAC e o trabalho que apoiou a intervenção do Presidente do CIPRIC na sessão de encerramento, foram reunidos no n.º 16 da Colecção Sínteses EuroDefense, editado em Julho de 2008.

80_selo_feuc
logo-ed-m
80_i_feuc
Partilhar conteúdo:
LinkedIn
Share

Formulário Contato

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin